12 setembro 2018 7:54 am

Brasil vence por 5 a 0 em amistoso inspirado do atacante Richarlison

Agência Brasil

Richarlison Foto Lucas Figueiredo CBF
Atacante marcou dois gols. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O Brasil não teve dificuldade para vencer a seleção de El Salvador por 5 a 0, no segundo jogo do time de Tite após a eliminação da Copa do Mundo da Rússia. O amistoso disputado em Washington, nesta terça-feira (11), foi marcado por homenagem às vítimas do atentado do 11 de setembro e pelo duelo inspirado de Richarlison, de 21 anos, atacante do clube inglês Everton, que marcou dois gols e ainda sofreu um pênalti convertido por Neymar.

O começo de Richarlison foi arrasador. Sofrendo um pênalti logo aos três minutos de jogo, que Neymar cobrou e converteu em gol. Foi o 59º gol do atacante do PSG com a camisa canarinho. Logo depois, aos 15, Richarlison carimba sua estreia no time titular da seleção com um gol de estilo, chutando de fora da área, que foi comemorado com sua famosa dança do pombo. O terceiro gol do Brasil veio ainda no primeiro tempo, aos 29 minutos, com Philippe Coutinho, que bateu da entrada da área sem chances para o goleiro salvadorenho. Jogando com inspiração, Neymar atuou pelo meio, armando boas jogadas e aparecendo com perigo no ataque. Em uma dessas jogadas, tromba na grande área com o zagueiro adversário e o juiz vê simulação, aplicando cartão amarelo.

Tite aproveitou a virada para fazer duas mudanças: entrada de Fred em lugar de Casemiro e de Felipe em lugar de Dedé na zaga. Richarlison fez o quarto gol brasileiro logo aos cinco minutos, aproveitando uma sobra de bola. A estreia estava terminando ali, porque logo depois sairia para dar lugar a Lucas Paquetá. O treinador da seleção brasileira ainda aproveitou para fazer mais mudanças nos primeiros minutos do segundo tempo, entrando Everton (saindo Philippe Coutinho) e Willian (saindo Douglas Costa). Outra alteração ocorreu aos 24 minutos, com a entrada de Andreas Pereira em lugar do volante gremista Arthur.

Partida seguiu com muitos gols perdidos e boas defesas do goleiro salvadorenho Henry Hernández. Em um subida na área, zagueiro Marquinhos marcou de cabeça o quinto gol, aos 45 minutos.

Comentários Facebook

Comentários