11 julho 2018 1:44 pm

Depois de 40 anos, creche que pertencia ao estado pode fechar em Londrina

Redação Paiquerê

Com 40 anos, o Centro de Educação Infantil (CEI) filantrópico conhecido como Presipe está lutando para não fechar as portas. Desde o começo de 2018, a escola, que já pertenceu ao governo estadual, quando havia o Instituto de Previdência do Estado (Ipê), não recebe os repasses mensais do município porque não apresentou todas as certidões. O Presipe tem dívida acumulada com a previdência social por falta de recolhimento de direitos trabalhistas de cinco funcionárias.

De acordo com a diretora da entidade, Osenilda da Silva Baggio, que está na escola desde 2001, até 2017 eram atendidas 108 crianças.

O imóvel onde está o Presipe pertence à Paranaprevidência, que cobra aluguel mensal de R$ 3,6 mil. Osenilda afirmou que a entidade não conseguiu quitar todos os débitos ficando sem a renovação do convênio com a prefeitura.

A diretora do Presipe afirmou que a escola passou para a administração filantrópica quando o então governador Jaime Lerner acabou com o Ipê.

A secretária municipal de educação, Maria Tereza Pascoal de Moraes, afirmou que as crianças que eram atendidas no Presipe foram encaminhadas para outras instituições. O dinheiro também foi direcionado para outras escolas que receberam mais crianças. O município repassa cerca de R$ 400 por criança de zero a três anos que fica o dia todo na escola.

O Presipe realiza neste sábado (14) uma festa julina, com toda a arrecadação voltada para pagamento das dívidas da escola. O presipe fica na rua Maragogipe 169, perto do Empório Guimarães.

Comentários Facebook

Comentários