11 junho 2018 8:43 am

“Dona Vilma” será exibido na Sessão Kinopus

Redação Paiquerê

dona vilma filme foto divulgacao
Documentário Dona Vilma (2016) tem 28 minutos de duração. Foto: Divulgação

Na terça-feira (12), a partir das 19h30, três curtas londrinenses serão exibidos na Sessão Kinopus, gratuitamente, no Centro Cultural Sesi, localizado na rua Maestro Egidio Camargo do Amaral, 130. Todas as produções foram dirigidas por mulheres e uma delas – “Dona Vilma” – conta com patrocínio da Secretaria Municipal de Cultura, por meio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic).

A classificação indicativa é para maiores de 14 anos e os ingressos podem ser retirados com uma hora de antecedência no local, que tem capacidade para receber cerca de 120 pessoas. O projeto foi lançado em abril de 2015, pela produtora Kinopus, e tem como objetivo apresentar filmes que não foram apresentados no circuito comercial local e promover estreia de produções londrinenses, sempre com entrada franca.

O documentário Dona Vilma (2016) tem 28 minutos de duração e conta a história da líder do movimento negro em Londrina, Vilma Santos de Oliveira, também conhecida como Yá Mukumby, passando por sua trajetória pessoal, política e religiosa, com destaque para sua participação na instauração do processo de cotas na Universidade Estadual de Londrina (UEL). O filme dirigido por Vanessa Santos, filha de Dona Vilma, foi produzido ao longo de cerca de dois anos. Os outros curtas que serão exibidos na Sessão Kinopus são A Última Dança (2014, fic, 10 min), de Eliete Vanzo, e Passo Cruzado (2018, fic, 12 min), de Vivian Campos. Estes dois filmes são resultado da pós-graduação em Cinema da Faculdade Pitágoras.

Com N.com

Comentários Facebook

Comentários