18 outubro 2017 3:05 pm

FIFA pode considerar campeões mundiais os times que conquistaram a Copa Intercontinental

Redação Paiquerê

spfc mundial
Foto: Divulgação/SPFC

O Conselho da FIFA irá se reunir na sexta-feira da semana que vem (27) para discutir se os clubes que conquistaram a Copa Intercontinental, torneio disputado pelos campeões da Libertadores e da Liga dos Campeões entre os anos de 1960 e 2004, podem ou não ser reconhecidos como campeões mundiais.

Essa decisão afetará, sobretudo, no futebol brasileiro, o Santos, que foi bicampeão intercontinental em 1962 e 1963, o Flamengo, campeão em 1981, o Grêmio, campeão em 1983, e o São Paulo, bicampeão em 1992 e 1993.

Os títulos da Copa Rio de 1951, do Palmeiras, e de 1952, do Fluminense, não estarão em pauta.

A motivação para a discussão oficial sobre o reconhecimento ou não da Copa Intercontinental como Mundial é devido ao projeto da Conmebol e da UEFA para que o torneio envolvendo o campeão da Libertadores e o da Liga dos Campeões volte a ser disputado. Isso porque o Mundial de Clubes da FIFA deve deixar de ser disputado anualmente e passar a ocorrer de quatro em quatro anos, sempre no ano anterior à Copa do Mundo.

Esse novo modelo deve ser implantado a partir de 2021. Com isso, a Conmebol e a UEFA já trabalham para que a Copa Intercontinental volte a ser disputada no mês de dezembro de todos os anos em que não haja o Mundial de Clubes.

Comentários Facebook

Comentários