12 janeiro 2019 1:36 pm

Em último teste antes do Estadual, LEC perde para o Novorizontino

Redação Paiquerê

Este foi o último teste do Tubarão antes da estreia no Campeonato Estadual. Foto e vídeo: Reinaldo Furlan

O Londrina perdeu na manhã deste sábado (12) o jogo-treino diante do Novorizontino por 1 a 0. O teste, o último antes do Estadual, foi no Estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte, São Paulo. O LEC se comportou bem durante boa parte da partida, porém no finalzinho levou gol do lateral-esquerdo Paulinho, em cobrança de falta. A estreia do Alviceleste no Paranaense será no próximo domingo (22), às 17h, contra o Cianorte, no Albino Turbay. Os atletas retomarão os treinamentos na segunda-feira (14), no Centro de Treinamentos da SM Sports.

O Tubarão que começou o jogo-treino contou com Alan, Matheuzinho, Marcondes, Silvio e Felipe; Rômulo, Germano e Marcinho; Wéverton, Uelber e Luidy. Segundo o técnico Alemão, é este time que deve iniciar a disputa do Estadual. “A espinha dorsal é o sistema de jogo e os jogadores que iniciaram a partida. A grande maioria, sem dúvidas, vai começar em Cianorte. De repente pode acontecer uma ou outra mudança que achar necessário ou algum eventual problema que possa acontecer por lesão durante essa semana”, destacou em entrevista à Paiquerê 91,7. “A oportunidade está sendo dada para eles e espero que agarrem bem. Que os demais jogadores busquem pelo seu espaço”, completou.

Apesar do resultado, o Londrina criou mais chances que o adversário e se mostrou entrosado e confiante para o Paranaense. O lance de maior perigo foi justamente o gol da equipe paulista, que conta com diversos atletas do Alviceleste emprestados, além do técnico Roberto Fonseca. O jogo-treino ocorreu em dois tempos de 45 minutos, com os jogadores sendo trocados na volta do intervalo. O volante Germano precisou ser substituído na metade do primeiro tempo após uma pancada no tornozelo, porém no final do teste afirmou que estava tudo bem e que a medida havia sido adotada por precaução.

Com informações de Reinaldo Furlan

 

Comentários Facebook

Comentários