8 novembro 2018 9:19 am

Empresas devem cobrar juros sobre o parcelamento das dívidas junto ao Detran

Lino Ramos
Redação Paiquerê

O diretor-geral do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Marcello Panizzi, disse que, “talvez”, as operadoras de cartão de crédito cobrem juros sobre o parcelamento de débitos dos condutores e proprietários de veículos que devem ao Detran. Segundo o órgão de trânsito, a população paranaense poderá quitar multas e outros débitos relacionados a veículos, como multas, IPVA e licenciamento, por meio dos cartões de crédito e débito.

O usuário terá a opção de parcelar suas dívidas de 2 em até 12 vezes, dependendo do valor do débito. Serão aceitas as principais bandeiras como Visa, Master, Elo, Diners e Amex. Estas empresas serão responsáveis pela quitação da dívida, à vista, junto ao Detran. Panizzi resslatou que a negociação será feita diretamente entre o cidadão e as empresas, sem a participação do Detran.

O parcelamento das dívidas junto ao Detran começa a ser implantado na próxima semana, em Curitiba, e deverá chegar a todo o Estado até o final do ano. A iniciativa atende a resolução 736/18, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), e a portaria 149/18, do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). Segundo o diretor-geral do Detran no Paraná, Marcello Panizzi, só em 2018 foram calculados mais de R$ 300 milhões em débitos junto ao departamento estadual e a pretensão é recuperar cerca de 60% desses valores aos cofres públicos.

Comentários Facebook

Comentários