11 janeiro 2019 3:12 pm

Município pretende aprimorar soluções criativas por meio de parcerias

Redação Paiquerê 

Foto: Neto Almeida

Uma parceria entre o Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel) com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), pretende viabilizar a aproximação de empresas e startups de tecnologia com o poder público municipal. A medida colocará em prática novas tecnologias locais em diversas esferas da administração municipal. No evento foi assinado o primeiro termo de cooperação técnica originário deste programa.

Será realizado um chamamento público para apresentação das soluções inovadoras quer alcançar as duas mil empresas existentes na cidade, atuantes na área de tecnologia da informação. O presidente da Codel, Bruno Ubiratan, valorizou a parceria. “Será a primeira vez, na história de Londrina, que essas empresas de tecnologia e inovação vão conseguir trabalhar junto com o município de Londrina”, disse.

Um dos principais critérios estabelecidos no edital determina que podem inscrever seus projetos pessoas jurídicas estabelecidas, com fins lucrativos ou não, que obrigatoriamente tenham sede em Londrina e estejam com suas obrigações legais em dia. Os interessados em participar devem protocolar junto a Codel a proposta do seu projeto, explicando em detalhes quais as suas funcionalidades e aplicações, acompanhada do comprovante de inscrição CNPJ. A sede do instituto fica na avenida Castelo Branco, 570. Em seguida, a proposta será examinada por uma comissão, que conta com representantes do Sebrae, Senai e Codel.

Com N.com

Comentários Facebook

Comentários